sexta-feira, 11 de abril de 2014

AGULHAS -Picadinhas Gostosas

Uma prática que já vem tornando-se bastante comum nas 
cenas/sessões SM é o uso de agulhas no corpo do(a) escravo(a). 
Devido a traumas de infância ("medo de injeção") ou experiências ruins passadas envolvendo o uso de agulhas, muitos subs são resistentes a esta prática e só de ouvir falar nela já sentem até um certo pavor. 
Analisando sob este prisma, há de se pensar que as agulhas exercem um tipo de tortura mais psicológica do que física, visto que a dor é perfeitamente suportável e quase que imediatamente passageira. Dói na hora em que as agulhas são introduzidas e depois na hora em que são retiradas. Claro que, dependendo da habilidade e do sadismo de quem Domina, existem "truques" que podem ser utilizados visando o prolongamento e a intensificação da dor, as quais serão citadas mais adiante (em "Dicas Sádicas"). 
O trauma tissular provocado pelas agulhas na pele, na verdade é pequeno, se comparado ao trauma provocado, por exemplo, por um spanking moderado ou hard. 
Há que se ter um cuidado especial na escolha das agulhas, na assepsia prévia da pele e na adequação do calibre das agulhas aos locais nos quais elas serão aplicadas. 

AS AGULHAS --> sempre estéreis e descartáveis. Evite cair na tentação de usar agulhas domésticas de costura, alfinetes, tachinhas ou similares, pois estes não são esterilizados, e esse negócio de ferver na água ou flambar ao fogo não é recomendado e muito menos confiável. Vá até uma farmácia ou loja de artigos médicos hospitalares e compre "agulhas de injeção". Lá você encontra dos mais variados tamanhos e calibres. Lembre-se sempre que estas agulhas devem ser inutilizadas e descartadas após o uso, jamais devendo serem reutilizadas em outras pessoas.

ALÉM DAS AGULHAS você deve dispor de algodão, álcool a 70% e luvas de latex. 

LOCAIS PARA APLICAÇÃO praticamente todos os locais do corpo humano podem receber agulhas. Use de bom senso e exclua locais como: cabeça, pescoço, palma das mãos, sola dos pés, virilhas, axilas, dobra interna dos braços, região posterior dos joelhos, dedos e regiões onde não há tecido subcutâneo, ex: região anterior das pernas (não das coxas, só das pernas), região anterior dos joelhos... (locais onde aparentemente tem só "pele e osso", sem tecido adiposo 
embaixo). Pois se acidentalmente você "cutucar" o periósteo (membrana que reveste os ossos), além da dor ser intensa poderá causar lesões nada interessantes ao tecido ósseo. O dorso das mãos e dos pés também deve ser evitado por ter grande concentração de vasos, nervos e tendões. 
Em escravos iniciantes nessa prática, dê preferência aos mamilos/glândulas mamárias, glúteos, costas, abdômen, bolsa escrotal (apenas na pele, nunca atingindo os testículos). 
Em segunda instância, passe para os lábios da vulva ou corpo do pênis; deixando glande e clitóris para mais tarde, quando o(a) escravo(a) já se adaptou bem a essa prática; e também quando você tiver já um bom domínio da técnica. 
Por incrível que pareça, pernas e braços são locais bastante dolorosos para essa prática, portanto só utilize essas áreas mais tarde. 

ADEQUAÇÃO DOS CALIBRES DAS AGULHAS AOS LOCAIS UTILIZADOS 
inicie sempre usando as menores e mais fininhas, as 13x4,5 
(popularmente chamadas "agulhas de insulina"). Essas podem ser usadas em todos os locais indicados à prática (que foram citados no capítulo anterior). 
As de calibre 25x6(azuis), 25x7 ou 30x7(pretas) podem ser utilizadas em escravos(as) que já se familiarizaram um pouco com a prática, evitando o uso dessas mais grossas em mucosas/genitais (glande/clitóris/pequenos lábios da vulva), pois provocam um maior sangramento, ás vezes difíceis de se estancar. No corpo do pênis e nos grandes lábios, sem problemas quanto ao uso delas. 
Um pouco mais grossas, as 25x8 ou 30x8(verdes) são utilizadas com maior cautela e em locais como abdômen, costas, glúteos, grandes lábios da vulva e glândulas mamárias. 
Outras agulhas e catéteres mais calibrosos: usar apenas quando tem-se uma boa prática com as agulhas "comuns" citadas anteriormente. 

INSPECIONANDO A SAÚDE DE SEU(SUA) ESCRAVO(A)!!! 
**A introdução de agulhas, assim como qualquer prática que provoque sangramentos e lesões abertas, deve ser evitada em indivíduos que possuam quaisquer disfunções na coagulação sanguínea e/ou cicatrização dos tecidos, tais como Diabetes, Hemofilia, Anemias e Desnutrição.** 

INTRODUZINDO AS AGULHAS --> antes de começar, calce as luvas e passe no local um algodão embebido em álcool 70%. Espere secar naturalmente, sem soprar ou abanar. Dá para introduzir as agulhas com a pele ainda molhada, sim, só que vai arder bastante (eheheheh). 
Segure a agulha pelo canhão (parte "colorida") e retire a capa protetora. Nunca toque com as mãos na parte metálica, para não contaminá-la; assim como não devemos encostá-la em nada. 
As agulhas podem ser introduzidas em ângulo reto (90 graus), ou rentes a pele, com o objetivo de transfixá-la. Procure sempre adequar o comprimento da agulha ao local onde será introduzida (se for usar a angulação de 90 graus) e à quantidade de tecido adiposo existente na área. 

DICAS SÁDICAS para aumentar a dor durante a tortura introduzir ou retirar as agulhas lentamente. Dói bem mais...despejar álcool 70% sobre os locais das punções,com as agulhas ainda introduzidas ou logo após retirá-las. Arde pra caramba! dar petelecos no canhão das agulhas enquanto elas estão introduzidas. URGH! 
bater com a chibata sobre as agulhas. AAAAARGH!!!! 
pingar cera quente de vela sobre as agulhas introduzidas. 
SOCORRO!!!! 
retirar as agulhas com chicotadas. Essa é de botar nego pra CHORAR!!!! 

**ATENÇÃO** evite transfixar agulhas em locais como os pulsos, onde a rede venosa é bastante visível; ao retirar as agulhas, comprimir o local com algodão seco p/ estancar sangramentos se houver; podem ocorrer hematomas em alguns locais, nada preocupante; aplique gelo se o local ficar "inchado"; O bom Dom preocupa-se também com o bem estar de seu sub após a sessão, e não apenas com o seu desempenho durante.
 
 
Texto escrito por {?Morticia?}_Tt 

2 comentários:

Claudio Elias Do Nascimento disse...

Jesus Cristo Esta Voltando!!!

Anônimo disse...

Huummm eu quero, ja vou correndo falar com Dono

Vida